Victor Lema Riqué _ artista visual | Vila Madalena, SP

A casa atelier de Victor Lima Riqué parece fazer parte do enredo de sua obra, como se ao cruzar a porta já estivéssemos dentro do seu mundo. Na sala estão desenhos pendurados na parede, outros na mesa. Tudo bastante organizado para nossa visita. Os desenhos, todos em carvão são linhas retas que parecem recortes que atravessam o branco do papel exprimindo uma certa brutalidade. O cenário parece um pouco obscuro, talvez pelo uso de carvão e a falta de cor. Victor tenta nos explicar brevemente um pouco da sua vasta produção, diversas referências e mídias. Comenta sobre seu novo estudo sobre Garibaldi, um homem de lutas, ideais, um guerrilheiro, um herói de dois mundos. O que chama atenção é o tom masculino da obra, masculino na sua versão mais crua, entendimento do homem forte, como Garibaldi. Essa crueza esta presente nos vídeos de Victor também, os que vimos exprime solidão, como se o artista procurasse entender seu significado no meio de uma vida caótica. Para ver os vídeos sentamos na cozinha, ao lado de um mapa mundi gigantesco. Depois de alguns vídeos autobiográficos eu diria, Victor nos mostrou um outro trabalho, um trabalho de cartoon, um rato gigante e seu exército. Um vídeo tragicômico e muito bem feito. Levantamos e nos despedimos. Saímos do atelier assim, meio embasbacadas, no meio de obras fortes tentando fazer sentido de tudo que vimos.

Mais sobre Victor: http://www.victorlemarique.com/

Texto: Priscilla Nasrallah
Fotos: Leka Mendes