“Em algum lugar entre a terra e a casa” _ Residência artística coletiva _ Oficina Cultural Oswald de Andrade | Bom Retiro, SP

O Vitrô registrou o espaço da ” Casinha ” e o processo de desmontagem do ateliê.

- -

Fotos: Leka Mendes

“Em algum lugar entre a terra e a casa”

Exposição de encerramento da Residência artística coletiva de Alessandra Duarte, Bel Falleiros, Flavia Mielnik, Laura Gorski e Renata Cruz na Oficina Cultural Oswald de Andrade

 

 

Dia 21 de janeiro, às 17h, a Oficina Cultural Oswald de Andrade apresenta a mostra “Em algum lugar entre a terra e a casa” como finalização da residência artística vivenciada por Alessandra Duarte, Bel Falleiros, Flavia Mielnik, Laura Gorski e Renata Cruz. As 5 artistas apresentarão alguns do procedimentos experimentados no período de 3 meses em que habitaram a “Casinha”, um dos espaços da Oficina, e alguns relatos e registros dessa experiência que envolveu também workshops, conversas, caminhadas pelo bairro e uma intensa ocupação da “Casinha” como ateliê.

Todos estes processos serão agora compartilhados em uma das galerias da Oficina Cultural Oswald de Andrade. Dia 21 também será o último dia da “Casinha” e a única oportunidade de ver simultaneamente o espaço da casa-ateliê, com os gestos e rastros da vivência das artistas, e seu rebatimento na sala de exposição.

No dia 23 de janeiro, às 15h, as 5 artistas convidam o público e demais envolvidos no projeto para uma conversa sobre a construção de “Em algum lugar entre a terra e a casa”.

A residência foi o encontro das 5 artistas que ocuparam, entre 17 de outubro de 2015 a 23 de janeiro de 2016, a pequena casa no pátio da Oficina Cultural Oswald de Andrade, como um ateliê coletivo, e se propuseram a estabelecer relações tanto com o espaço como com as pessoas que transitaram por ele das mais diversas maneiras.

O tempo de trabalho vivido conjuntamente na casa-ateliê, transformou a convivência, a escuta, o entendimento do outro e as trocas diárias, no próprio processo de criação. O encontro das artistas (e o ressoar de cada individualidade), mais do que modo de trabalho, converteu-se no próprio meio para a criação e realização do projeto.

A idéia de casa, de acolhimento, de relação do corpo com espaço interno e externo, da mulher com a casa, do espaço doméstico como o primeiro espaço do ser no mundo, da fundação da casa, da centralidade do ser no espaço, são apenas alguns dos temas que foram ponto de partida do projeto.

“Em algum lugar entre a terra e a casa” fica em exposição na Oficina Oswald de Andrade até dia 18/02.

Sobre as artistas:

www.alessandraduarte.com

www.belfalleiros.com.br

www.flaviamielnik.blogspot.com

www.lauragorski.com

www.renatacruz.net
SERVIÇO:

“Em algum lugar entre a terra e a casa”

Exposição de encerramento da Residência artística coletiva de Alessandra Duarte, Bel Falleiros, Flavia Mielnik, Laura Gorski e Renata Cruz

Abertura: 21 de janeiro (quinta-feira) de 2016, das 17h às 21h30
Quando: 21 de janeiro a 18 de fevereiro de 2016

Horários: Segunda a sexta das 9h às 22h e aos sábados das 13h às 21h

Onde: Oficina Cultural Oswald de Andrade
Endereço: Rua Três Rios, 363 – Bom Retiro, São Paulo – SP (metrô tiradentes)
Telefone: (11) 3221-5558
Quanto: Entrada gratuita